Carqueja

Conhecida como erva-carqueja, flor-de-carqueja ou carqueja, pertence à flora portuguesa, espanhola e norte-africana (Marrocos), e é muito comum em zonas montanhosas, como as Serras da Estrela e do Açor.

É uma planta muito conhecida quer pela variedade da sua utilização, quer pela sua abundância.

Tradicionalmente é usada pela sua acção digestiva, de estimulante hepático, pelo seu efeito diurético, nos estados gripais e constipações. Geralmente é usada toda a planta, embora as flores sejam a parte mais utilizada, especialmente em infusões.

Também costuma ser usada no tratamento de feridas sob a forma de cataplasma.

Na verdade, a infusão das flores é usada popularmente como “Chá para todos os males” e para o mal-estar geral.

Os benefícios do chá de carqueja devem-se a algumas substâncias que estas plantas possuem, como os compostos fenólicos, saponinas, flavonas e flavonóides.

Contudo, é contra-indicado durante a gravidez e amamentação e não deve ser utilizado em grandes doses, pois pode ser prejudicial à saúde.

Carqueja

Deve usar o chá de carqueja para:

  • Má digestão
  • Prisão de ventre
  • Diarreia
  • Gastroenterite
  • Gripe
  • Febre
  • Fraqueza e mal-estar


Junte 2 colheres de sopa da erva picada com 500 ml de água, deixe ferver e deixe abafar pelo menos por cinco minutos.

O consumo em excesso pode provocar problemas digestivos. Não beba mais de 2 a 3 chávenas por dia.

4.6 / 5. Votos: 52

Partilhar este artigo
  • 2
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *